D E S T A Q U E S



Carta aberta em defesa do IBGE e do Censo


O Censo Demográfico é a principal fonte de informações sobre a população do Brasil. O Censo registra as características principais de cada cidadão, de cada família, de cada domicílio; é o retrato da população do país. O Censo organiza os dados da maneira mais detalhada e precisa para subsidiar as políticas públicas, a gestão pública e a própria política nos níveis local, regional e federal.

O Censo Demográfico, previsto para execução em 2020 mas adiado pela pandemia, teve seu orçamento reduzido já em 2019 e, recentemente, em 2021, com corte de 90% dos recursos previstos. Esta operação censitária necessita de recursos que sejam adequados para a sua realização com segurança sanitária, de acordo com a complexidade operacional em um país continental e diverso como o Brasil e dentro do cronograma que o momento exige. Os cortes no orçamento do Censo representam um enorme risco a um levantamento consistente e exaustivo pelo território nacional. Sua inviabilização operacional seria uma afronta à população brasileira, à democracia, aos gestores públicos, aos técnicos do IBGE, aos analistas de mercado e aos centros de pesquisa e universidades. Os cortes que vêm sendo impingidos no Censo devem ser revertidos, restabelecendo-se os valores inicialmente previstos para sua realização plena.

A pandemia de covid-19 escancarou a necessidade de informações sobre a população brasileira. Evidenciou a importância do conhecimento detalhado das condições de vida de diferentes grupos etários e suas características e composição, incluindo a étnico-racial. Apenas para dar um exemplo, o número de pessoas de cada grupo etário em cada município ou estado é uma informação básica para organizar o sistema de vacinação, para a definição das ações contra a pandemia, para a identificação e estimação de públicos demandantes do Auxílio Emergencial, para a avaliação dos efeitos da pandemia na educação e na economia. O planejamento público necessita de decisões políticas responsáveis atreladas à existência de informações de qualidade sobre as características da população, informações que são levantadas pelo Censo.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, o IBGE, tem a responsabilidade constitucional pela realização do Censo, além da produção e divulgação de outras informações também fundamentais. O IBGE é uma instituição quase centenária, um patrimônio público, que tem uma história de excelentes serviços prestados ao país. O Brasil é reconhecido internacionalmente como um dos países com maior competência na realização de censos e referência latino-americana e mundial, desenvolvendo processos que são disseminados através de cooperação técnica com diversos países.

No momento em que a presidente do IBGE solicita sua exoneração, é fundamental que o cargo seja ocupado por pessoa com conhecimento sobre os temas de alta complexidade que são as funções do IBGE e que seja capaz de articular o vasto conhecimento acumulado pelo pessoal técnico altamente capacitado da instituição. Não seria aceitável que, nesse momento crítico, a presidência do IBGE fosse relegada a alguém que não tenha o conhecimento necessário para conduzir as atividades essenciais realizadas pela instituição, com destaque para o próprio Censo Demográfico.

Preocupada e atenta, a comunidade científica, através da Associação Brasileira de Estudos Populacionais (Abep), manifesta-se em defesa veemente do IBGE e do Censo Demográfico.


Diretoria Abep
Gestão 2021-2022
29 de março de 2021


**********************************










**********************************



LANÇAMENTOS


ATLAS TEMÁTICO

MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS - REGIÃO SUL





DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI



NOVA LEI DE MIGRAÇÃO
OS TRÊS PRIMEIROS ANOS





DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI

CURSO DE PORTUGUÊS COMO LÍNGUA DE ACOLHIMENTO





DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI

POPULAÇÃO E CIDADES







DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI

MIGRAÇÕES
ANGOLANAS






DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI

ATLAS TEMÁTICO
MIGRAÇÕES VENEZUELANAS





DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI

IMPACTOS DA PANDEMIA DE COVID
NAS MIGRAÇÕES INTERNACIONAIS





DOWNLOAD GRATUITO
CLIQUE AQUI


DEMOGRAFIA E COVID-19

POVOS INDÍGENAS PRECISAM DE ATENDIMENTO LOCAL PARA COVID-19 ANTES DE A DOENÇA CHEGAR A ESTADO GRAVE

Entrevista com a Dra. Marta Azevedo

***

Municípios estratégicos para instalação de estruturas de atendimento emergencial aos povos indígenas no enfrentamento à Covid-19




Marta Maria Azevedo - Demógrafa

Fernando Damasco - Geógrafo

Marta Antunes - Antropóloga


***

ANÁLISE DE VULNERABILIDADE DEMOGRÁFICA E INFRAESTRUTURAL DAS TERRAS INDÍGENAS À COVID-19

Marta Azevedo, Fernando Damasco, Marta Antunes, Marcos Henrique Martins e Matheus Pinto Rebouças

Download Base de Dados IVDIC



***

POPULAÇÃO, AMBIENTE E A COVID-19:
O MONSTRO DENTRO DE NOSSAS CASAS

Leia o artigo completo


CONFIRA NOSSAS ATIVIDADES

NEPO EM AÇÃO COVID-19


CAMPANHAS MPT-NEPO/UNICAMP

#EU ABRAÇO ESTA CAUSA:
EU USO MÁSCARA




Como parte do esforço de combate à pandemia de Covid19, com a parceria entre o Ministério Público do Trabalho, o Nepo e o IEL foram produzidos 6 vídeos de uso e cuidados com a máscara de tecido, a partir das recomendações da Professora Raquel Stucchi (FCM) nas versões em árabe, creóle haitiano, espanhol, francês, inglês e warao. Assista os vídeos e veja o materiais informativos sobre o novo coronavírus para imigrantes e refugiados

OFICINAS DE CAPACITAÇÃO





ATLAS TEMÁTICOS DO OBSERVATÓRIO DAS MIGRAÇÕES EM SÃO PAULO




PUBLICAÇÕES





















+Publicações

NEPO NA MÍDIA



**********************************

ATENÇÃO!


Segundo a Resolução GR-72/2020, de 29/06/2020, as atividades da Unicamp e deste núcleo estão suspensas por tempo indeterminado, em virtude da pandemia de Coronavírus (Covid-19).

Neste sentido, as atividades administrativas do Nepo estarão sendo realizadas por meio de teletrabalho (home office), sem o atendimento presencial no período acima determinado.

Assim, qualquer demanda urgente que não puder ser adiada deverá ser encaminhada por meio digital (e-mail: suporte@nepo.unicamp.br ou site).

Solicitamos sua compreensão neste período delicado que o mundo todo está passando.

Mais informações em https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2020/06/30/suspensao-das-atividades-presenciais-na-unicamp-e-prorrogada-por-tempo